Notícias da Diocese
 
12.Mar - Diácono Samuel Pirola é ordenado no Santuário SCMJ
 Diácono Samuel Pirola é ordenado no Santuário SCMJ

Neste fim de semana, a Diocese de Criciúma viveu a alegria de ordenar mais um diácono para a Igreja, o jovem Samuel Colombo Pirola, natural da Paróquia Santo Agostinho, de Rio Maina. A celebração foi realizada na tarde de sábado, 10, sob a presidência do Bispo Diocesano, Dom Jacinto Inacio Flach, e concelebrada por dezenas de padres. Cerca de 1,5 mil pessoas participaram da missa, realizada no Santuário Sagrado Coração Misericordioso de Jesus, em Içara, com a animação do grupo Voz Amiga. Seguindo o rito, a apresentação do candidato ao diaconato foi realizada pelo reitor do Seminário Diocesano Nossa Senhora de Caravaggio, padre Gilson Pereira, seguida pelo testemunho proferido pelo pároco da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, de Urussanga, padre Daniel Pagani. 



"No ano de 2009, quando eu ainda estava realizando meu serviço de diácono na Paróquia Santo Agostinho, o jovem Samuel me procurou para manifestar o desejo de ser padre. Após algumas conversas, encontrei sinais de sua vocação e o encaminhei ao Seminário de Caravaggio, onde iniciou sua caminhada formativa", recordou padre Pagani, que afirmou a valiosa contribuição de Samuel nos serviços pastorais durante o ano de 2017 na Paróquia de Urussanga. "O jovem Samuel procurou, em seus estudos, buscar o conhecimento humano e da Igreja; dentro do seminário, se mostrou obediente ao processo formativo; tem consciência de suas limitações e de que precisa, a cada dia, através da oração, pela vivência da fé, buscar aproximar-se constantemente de Cristo Bom Pastor e nele pautar a sua vida", acrescentou Pagani.





Após acolher o candidato, o Bispo Diocesano proferiu sua homilia. Dom Jacinto agradeceu, especialmente, aos animadores da Pastoral Vocacional da Diocese, por seu apoio, oração e incentivo às vocações que, junto ao povo de Deus e aos jovens que acolhem com fidelidade o ministério, fazem com que a Diocese de Criciúma desperte "olhares esperançosos" por parte de outras dioceses do Estado e de fora dele. Segundo o Bispo, além da Diocese de Rio do Sul, também a Diocese de Joaçaba poderá, futuramente, ser campo de missão do clero de Criciúma. Dom Jacinto manifestou sua gratidão, pedindo os aplausos da assembleia aos agentes vocacionais.

A Samuel, Dom Jacinto voltou seu olhar, dizendo: "Deus, pela ação do Espírito Santo, vai te tornar alguém disponível para a comunidade, para toda pessoa; o teu conhecimento, a tua inteligência, a tua capacidade Deus te deu para servir a Igreja". O epíscopo falou da primeira grande graça proveniente de Deus - a vida; e da segunda - a de ser escolhido. "Ele realmente te escolheu para que tu pudesses ser alguém que veio ao mundo, mas para servir, especialmente, as pessoas mais necessitadas: nossos doentes, idosos, as pessoas que mais precisam".





Conforme Dom Jacinto, a missão primordial do diácono tem como base a caridade e o serviço. "Servir com amor, generosidade e simplicidade. Nós não recebemos o sacramento para nos vangloriar, mas, justamente, para que esteja a serviço dos nossos irmãos e irmãs. Quero agradecer a todos que rezaram por ti e peço que continuem rezando, para que possas ser um bom diácono e muito bom padre no futuro. Que Deus te abençoe e que tu sejas muito feliz. Lembra-te daquilo que nós vimos no Evangelho, de que, muitas vezes, lá fora, o mundo tem uma maneira de viver e tu deves ter o exemplo de Cristo para te desviar. Ali estará, com certeza, a tua realização. Serás muito feliz nestes meses com o teu diaconato; que possas preparar bem o coração para o grande momento que vai se aproximando: o dia da tua ordenação presbiteral", concluiu Dom Jacinto.





O Bispo também agradeceu aos familiares e à Paróquia Santa Terezinha, de Jacinto Machado, onde o vocacionado exerce a pastoral neste ano. Após a reflexão, deu-se sequência a celebração, com a oração da Ladainha de Todos os Santos, com o candidato ao diaconato prostrado diante do altar, seguida pelo momento mais importante, com a imposição das mãos e prece do Bispo Diocesano sobre a cabeça de Samuel. Assim ordenado, o novo diácono recebeu os paramentos dignos do novo ministério: a estola diaconal e a dalmática, e também o evangeliário das mãos de Dom Jacinto.





Ao final da missa, o neo diácono proferiu palavras de gratidão a todos que fizeram parte de sua trajetória. "Primeiramente, a Deus que me chamou a esta vocação e me deu o dom da vida, é por Ele e para Ele que tenho buscado, 'em tudo amar e servir' em minha vida. Aos meus pais, Augusto e Zuleide, que me ensinaram o verdadeiro significado da palavra amor e que sempre me apoiaram em minha caminhada vocacional".

O diácono Samuel agradeceu aos irmãos e demais familiares, padrinhos, reitores, formadores e benfeitores. Às paróquias e respectivos párocos por onde passou, seminaristas, religiosas e missionários envolvidos na Semana Vocacional, além de todos os animadores vocacionais. Samuel manifestou gratidão a grupos de jovens e movimentos, bem como a todos os presentes na celebração e responsáveis por sua preparação.





"Ao meu pai espiritual, Dom Jacinto, que sempre foi um sustento e apoio na minha vocação e que muitas vezes, com simples palavras, ajudou-me a me reencontrar comigo mesmo em momentos de escuridão e medos, e sempre demonstrou confiança e fé na minha vocação, serei eternamente grato ao senhor e me coloco a disposição para, 'em tudo amar e servir', aonde o senhor precisar. À Pastoral Vocacional de toda a Diocese que se empenhou para essa ordenação, e de modo especial a PV de Rio Maina, bem como a coordenação diocesana, muito obrigado por dedicarem o seu precioso tempo comigo e por rezarem sempre pelas vocações. Que Maria, Rainha do Sim, lhes cubra com seu manto e lhes ajude sempre na caminhada. Ao movimento da Renovação Carismática Católica, no qual minha vocação despertou, e ao qual assumo a partir de agora oficialmente a coordenação do Ministério Cristo Sacerdote na Diocese, continuem sempre evangelizando e deixando o Espírito Santo usar vocês", disse ainda o diácono, que confiou todos os presentes à Nossa Senhora, convidando-os a acolher sua imagem, que foi entronizada pela nave central.

A ordenação sacerdotal do diácono Samuel está marcada para o dia 30 de junho, às 15 horas, na Igreja Santo Agostinho, em Rio Maina, Criciúma.



Fonte: Comunicação Diocese de Criciúma

Indique a um amigo
 
  • Acompanhe nossas redes sociais
  •  
  • Copyright © 2018 Santuário Sagrado Coração Misericordioso de Jesus. Todos os direitos reservados.