Palavra do Reitor
 
13.Dez - Sal da terra e luz do mundo
Sal da terra e luz do mundo

Querido Povo de Deus, o Ano Nacional do Laicato é uma convocação de toda a Igreja para que os cristãos leigos e leigas compreendam sua tríplice missão, graça concedida no Batismo e confirmada no Crisma: profética, sacerdotal e real. Iniciando na solenidade de Cristo Rei, no dia 26 de novembro, irá se estender até a mesma solenidade, em 25 de novembro de 2018.


Como profeta, cada um dos cristãos leigos e leigas é chamado a anunciar, por meio de seu testemunho de vida e engajamento social, a Boa Notícia que a Palavra de Deus revela para os homens e mulheres de hoje.


Enquanto sacerdote, cada cristão leigo e leiga tem como vocação ser fonte de benção nos vários ambientes de seu cotidiano, principalmente na família e no trabalho, mas também nas interações pessoais e sociais.


Na missa real é convocada a contribuir para coordenar grupos, equipes, movimentos e pastorais na Igreja e na sociedade, exercendo o poder como serviço aos mais desvalidos e fragilizados entre os seres humanos.


Como são belas e exigentes essas missões batismais! Será um ano para despertar aqueles homens e mulheres que ainda não compreenderam sua vocação e identidade. Enfim, quer ser uma resposta concreta ao chamado de Nosso Senhor Jesus Cristo, atendendo à convocação do papa Francisco a sermos uma “Igreja em saída”.   


Amadas lideranças, não esqueçamos, que, a vocação é fazer a vontade de Deus. Precisamos assumir a vontade de Deus, e, muitas vezes, transformar nosso “sim” em um sacrifício a Deus.


Toda vocação é um sacrifício a Deus e deve ser encarada com essa responsabilidade. Santa Terezinha proclamou: “O meu nome é vontade de Deus”. Ela viveu essa realidade, por isso pôde proclamar: “A minha vida é a vontade de Deus”.


Está em nossas mãos a decisão de fazer o melhor pela Igreja e pela Sociedade. Depende do nosso sim, da nossa vontade, do nosso querer, fazer acontecer a diferença. A graça Deus já nos dispensou. Agora resta o nosso querer e a nossa decisão de ir sem parar. O mundo terá a marca que nós deixarmos com as coisas que fizermos com tudo aquilo que deus nos dispôs.


Que este anuário nos ajude a vivenciar Jesus Cristo. A amar sem medidas aquele que por nós fez a diferença.


 


Deus vos abençoe!


Indique a um amigo
 
  • Acompanhe nossas redes sociais
  •  
  • Copyright © 2018 Santuário Sagrado Coração Misericordioso de Jesus. Todos os direitos reservados.